Uma nascente em mim

27/11/2019 10h45


Fonte Ana Flowers

Como nasce a
Água na fonte
Agora me vejo
Por entre as matas
Fechadas
Mas destemida
Lá encontrei
Sua nascente
Escalei morros
Subi nas pedras
Encostei e descansei
Nas imensas árvores
Daquela exuberante
Vegetação
Variadas espécies
De flores
De frutos
De animais
Senti-me
Como estou aqui
Agora dentro deste
Canto que escolhi
Para desbravar
Esta trilha
Que me sacia
Com a fonte da vida
Encontrando nas matas
Meu refúgio
Para realmente
Desbravar um
Novo rio
Da nascente que
Encontro nessa
Cadeira e escrita
Sentindo-me
Transbordando
Escorregando
Pedras abaixo
Deliciando-me
Com o perfume
Das flores
Da vegetação
Exuberante
Das espécies
Exóticas
Que a natureza aqui
Me adorna
Animais e aves
Dentro de um
Habitat
Como o meu
Aqui agora
Nada me preenche
Mais que
Sugar de mim mesma
Esta fonte
E lapidando estes
Versos para
Confirmar
Que também
Sou o leito
Dos lagos
Ás águas
Profundas
Da Minhalma

Tópicos: aqui, agora, fonte